Tv Islamismo No Brasil NOVO















Estamos com 5Hs e 10 minutos de video na nossa tv, contanto toda a verdade....

Ebooks

Material distribuido na internet para baixar, caso nao esteja nos links entre no formulario ao lado para solicitar por email ou contato@islamismonobrasil.com.br


______________________________________________________________________

O Alcorão. Português e Árabe. Clique no link para baixar em pdf.

________________________________________________________________________
De Abdullah Azziz. Livro de humor. Clique no link para baixar.

________________________________________________________________________

Biografia de Maomé. Harry Richardson. Clique no link para baixar. Formato pdf.

________________________________________________________________________

De Bill Warner. Sharia para não muçulmanos. Arquivo em pdf.
___________________________________________________________________

LIVRO grátis em PDF de Joel Richardson onde são abordadas as fontes islâmicas todas referenciadas e a bíblia onde se faz dentre muitos dos aspectos elencados, a comparação entre o messias esperado no islamismo e o anti cristo descrito na Bíblia, compara-se também o falso profeta ao jesus muçulmano dentre vários outros elementos. ‪#‎LINK‬ com livro completo em PDF para baixa

____________________________________________________________________

A autobiografia é de uma ex muçulmana, que se tornou membro da Irmandade muçulmana, sofreu mutilação genital e fugiu de um casamento arranjado, conseguindo asilo na Holanda. 
Neste livro ela narra a morte de Theo Van Gogh no qual era seu amigo e Ayaan ajudou na produção do curta metragem Submissão. Ela narra a morte onde Theo foi alvejado por tiros e decapitado na Holanda e tendo cravado com uma faca em seu peito , uma carta de 4 páginas endereçada à ela pelo muçulmano ( Muhammad Bouyeri) que o assassinou.
Neste livro vários aspectos são abordados no que tange o Islamismo.
Esta é uma das mulheres que desafia o Islamismo desde que o abdicou como caminho.
agradecimentos: sociologianet.files

 LINK

___________________________________________________________


Descrição do livro

A HISTÓRIA REAL DE UM FILHO DO HAMAS QUE SE TORNOU ESPIÃO ISRAELENSE, SE CONVERTEU AO CRISTIANISMO E AJUDOU A COMBATER UMA DAS MAIORES ORGANIZAÇÕES TERRORISTAS DO MUNDO.
Desde a infância, Mosab Hassan Yousef viveu nos bastidores do grupo fundamentalista islâmico Hamas e testemunhou as manobras políticas e militares que contribuíram para acirrar a sangrenta disputa no Oriente Médio. Por ser o filho mais velho do xeique Hassan Yousef, um dos fundadores da organização, todos acreditavam que ele seguiria os passos do pai.
Às vésperas de completar 18 anos, movido pela raiva e pelo desejo de vingança, Mosab decide assumir um papel mais ativo no combate a seus opressores e acaba sendo preso e levado para o mais terrível centro de interrogatórios israelense.
Depois de dias sob tortura, ele recebe uma proposta do Shin Bet, o serviço de inteligência interno de Israel: sua liberdade em troca da colaboração para identificar os líderes do Hamas responsáveis por ataques terroristas. A princípio, considera a oferta absurda. Afinal, como poderia trair sua religião e seu povo e ajudar seus inimigos?
Filho do Hamas é o relato impressionante do caminho inesperado que Mosab resolve seguir ao questionar o sentido de um conflito que só traz sofrimento para os inocentes, sejam eles palestinos ou israelenses.

________________________________________


Descrição do livro

A história real de uma jornalista recrutada pelo Estado Islâmico.
A jovem e frágil Mélodie, recém convertida ao islamismo, conhece, num chat de Facebook, Bilel, integrante de alto escalão do Estado Islâmico e braço direito de Abu Bakr al-Baghdadi, um dos terroristas mais perigosos do mundo. Após somente dois dias de conversas por Skype, ele já se declara “apaixonado”. Mais do que isso: pede Mélodie em casamento, instigando-a a juntar-se a ele na Síria para viverem juntos uma vida idílica, repleta de riquezas materiais e espirituais. Mas o que Bilel não sabe é que Mélodie não existe fora do mundo virtual. Ela é, na verdade, Anna Erelle, uma jovem repórter parisiense que investiga as redes de recrutamento de grupos terroristas e suas propagandas digitais.

__________________________________________

Descrição do livro

Nascido em meio à guerra civil do Iraque e Síria, o Estado Islâmico (ISIS) começou a atormentar o mundo em 2014, tornando-se uma poderosa força no Oriente Médio. Combinando fanatismo religioso e façanhas militares, o autodeclarado Califado apresenta uma nova ameaça para a estabilidade política em toda região. Em “A Origem do Estado Islâmico”, o jornalista Patrick Cockburn descreve o dramático conflito por detrás dos acontecimentos desencadeados pela política externa dos Estado Unidos. Cockburn demonstra como o Ocidente criou as condições ideais para o explosivo sucesso do ISIS, ao fracassar na “Guerra ao Terror” no Iraque e fomentar a guerra civil na Síria. O Ocidente – EUA e OTAN em particular – subestimou o potencial das milícias até as últimas evidências e falhou em impedir que os principais patrocinadores do 11 de Setembro continuassem amparando grupos jihads através da Arabia Saudita, Turquia e Paquistão. A volta da ameaça dos jihadistas está apenas recomeçando.

__________________________________________________________________


Descrição do livro

Esta é a história de uma mulher extraordinária, a jovem africana Immaculée Ilibagiza, que, aos 22 anos, sobreviveu ao massacre de seu povo. Confinada num banheiro durante três meses, junto com mais sete mulheres, ela lutou contra o medo e o desespero, ouvindo as vozaes dos homens que queriam matá-la.
Em 1994, a Ruanda viveu um dos mais sangrentos genocídios da História. Conflitos étnicos ancestrais se transformaram num holocausto, em que mais de um milhão de ruandeses foram barbaramente assassinados. Da noite para o dia, a vida de Immaculée mudou de forma radical. Os jovens hútus, que antes eram seus vizinhos, colegas de turma e até amigos, se transformaram em caçadores, treinados para matar e torturar todos os tútsis que encontrassem pela frente. Como ela conseguiu escapar da morte é um mistério além de toda compreensão.
Mas conseguiu: não só sobreviveu como não perdeu sua humanidade. Immaculée é a prova de que somos capazes de superar os traumas mais profundos por meio da fé e da espiritualidade. Seu relato de sofrimento, esperança e vitória é uma inspiração a todos.


____________________________________________________________________________

Descrição do livro

Herege – A autora de Infiel clama por uma reforma na religião islâmica neste livro polêmico e corajoso que oferece uma resposta a um dos problemas mais graves dos nossos dias Ayaan Hirsi Ali, autora do best-seller Infiel, faz neste livro um apelo poderoso por uma reforma do islamismo, como único modo de acabar com o terrorismo, as guerras sectárias e a repressão contra mulheres e outras minorias. Desafiando com coragem os jihadistas, ela identifica as cinco mudanças que precisam ser feitas na religião islâmica para que muçulmanos abandonem os dogmas que os prendem ao século VII. Segundo Ali, “o islã não é uma religião de paz”; o Ocidente deve apoiar os reformistas muçulmanos e não tolerar os extremistas. Concluído logo depois do ataque ao Charlie Hebdo e num momento em que milhares de pessoas ainda são mortas em nome de Alá, este livro oferece uma resposta a um dos mais graves problemas do mundo hoje.

_________________________________________________________________

Descrição do livro

Nômade – Ayaan Hirsi Ali atraiu atenção mundial com o livro de memórias Infiel, que ficou 31 semanas na lista de best-sellers do New York Times e conta sua infância e adolescência na Somália, na Arábia Saudita, na Etiópia e no Quênia sob o rigor do islamismo, até chegar à Holanda, onde se tornou uma das principais críticas do islã e defensora dos direitos das mulheres. Agora, em Nômade, ela narra sua mudança para os Estados Unidos em busca de uma nova vida, longe dos islamitas europeus que a ameaçaram de morte.
Nesta história da transição da vida tribal à cidadania plena em uma democracia ocidental, Ayaan relata as reviravoltas em sua vida após o rompimento com a família, que a renegou quando ela renunciou ao islã depois do Onze de Setembro. De forma comovente, a escritora somali relata sua reconciliação com a mãe e os primos, e com o pai no leito de morte.
Nômade é o retrato de uma família dilacerada pelo choque de civilizações, mas também é um relato sensível, otimista e muitas vezes divertido da descoberta dos Estados Unidos por uma mulher que teme que o país esteja repetindo o erro europeu de subestimar o islã radical. Ayaan convoca instituições ocidentais – como o movimento feminista e as igrejas cristãs – a pôr em prática ações para ajudar outros imigrantes muçulmanos a superar os obstáculos que ela vivenciou em sua assimilação à sociedade ocidental e a resistir à sedução do fundamentalismo.
Uma celebração da liberdade de expressão e dos valores democráticos, o mais recente livro de Ayaan Hirsi Ali representa o amadurecimento intelectual da escritora. É também uma importante contribuição para a história das ideias e, acima de tudo, um chamado à ação.


__________________________________________________________________________



0 comentários:

Postar um comentário